tipos de pele

Tipos de pele: descubra quais são e como identificá-los

Falar de depilação é também falar de cuidado com a pele. Cada método tem sua peculiaridade e reage de maneira diferente de pessoa para pessoa. Por isso, é importante conhecer todos os tipos de pele e entender como cada um pode responder às técnicas depilatórias, principalmente no rosto.

Você sabe quais são os tipos de pele e como identificá-los? Continue a leitura e descubra como cuidar ainda mais da sua cútis!

 

Conheça os 4 tipos de pele

 

Pele normal

A pele tida como normal é aquela bem equilibrada. Ou seja, não é muito oleosa, nem muito seca. A zona T, também conhecida como a região que engloba a testa, o queixo e o nariz, é pouco oleosa e a umidade é balanceada. Para completar, a pele normal apresenta poros fechados e regulares, e tem os aspectos macio e saudável. Um exemplo desse tipo de cútis é o das crianças!

 

Pele seca

A pele seca é aquela que tem tanto deficiência de sebo quanto de água. Esse tipo de cútis pode apresentar desidratação e normalmente é áspera e sem brilho. Para completar, a pele seca é ressecada e craquela com muita facilidade. Esse tipo de cútis sofre com a influência dos agentes internos já que a falta de sebo faz com que ela fique desprotegida.

 

Pele oleosa

A pele oleosa é caracterizada pelo excesso de produção de sebo. Normalmente ela é brilhosa e os poros são abertos e visíveis. Esse tipo de cútis costuma apresentar manchas e acnes. Uma das maiores queixas de quem sofre com a pele oleosa é o excesso de brilho com o decorrer do dia, sendo necessário o uso de produtos como pó compacto e águas termais para controlar a oleosidade.

 

Pele mista

Já a pele mista é aquela que combina características da pele oleosa com as da seca. Enquanto na cútis mista a zona T tende a apresentar mais sebo, as bochechas e o restante do rosto são mais secos, podendo inclusive sofrer com irritações enquanto a testa, o nariz e o queixo permanecem protegidos.

 

Aprenda a identificar os tipos de pele

 

Se mesmo com as descrições acima ainda não foi possível identificar com clareza como é a sua cútis, confira abaixo as singularidades dos tipos de pele:

 

Pele normal

  • Poros finos;
  • Boa circulação sanguínea;
  • Pele aveludada, suave e lisa;
  • Textura uniforme;
  • Sem manchas.

 

Pele seca

  • Rigidez;
  • Aspereza;
  • Tonalidade mais opaca e sem brilho;
  • Sensibilidade;
  • Tendência para descamação;
  • Em alguns casos a pele pode coçar.

 

Pele oleosa

  • Poros visíveis e aumentados;
  • Excesso de brilho;
  • Pele grossa;
  • Pálida;
  • Em alguns casos os vasos sanguíneos podem não ser visíveis;
  • Mais propensa ao surgimento de cravos e diversas formas de acne.

 

Pele mista

  • Zona T com características oleosas;
  • Presença de acne nessas regiões;
  • Pele normal a seca nas bochechas.

 

Conhecer os tipos de pele é muito importante para decidir qual método depilatório se adequará melhor a você. Entre técnicas tradicionais e a depilação a laser, cada cútis responderá de uma maneira única e particular a remoção de pelos.

Para as peles mais sensíveis e também para as mais resistentes, a melhor opção é a depilação a laser, porque é o método que mais contribui para uma pele lisinha, sem cortes ou irritações e diminui pelos encravados e foliculite. 

Para ficar livre dos pelos, conte com a Glas. A depilação a laser é um tratamento de redução definitiva dos fios eficiente e seguro.

Clique AQUI e encontre a Unidade Glas mais próxima de você.

 

Agende sua avaliação gratuita de depilação a laser _ GLAS

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *