depilação a laser e pele negra

Depilação a laser e pele negra: conheça o YAG

A depilação a laser veio para ficar. Hoje o método é democrático e pode ser aplicado em todas as peles. Mas até algum tempo ele não podia ser aplicado em peles mais escuras. Mas o que mudou na relação entre depilação a laser e pele negra? Tudo!

A transformação só foi possível graças ao laser YAG. Por isso que vamos falar sobre ele que vamos falar neste artigo. Então continue a leitura e descubra como essa tecnologia tornou a depilação a laser e pele negra um tópico possível e o método acessível para todo mundo.

 

Depilação a laser e pele negra: YAG, a melhor opção para a remoção dos pelos

 

A melanina é uma proteína presente no nosso organismo. Ela confere pigmentação à pele e aos cabelos. Por isso que a pele negra é mais pigmentada e, consequentemente, possui mais melanina.

Durante o processo de depilação, o laser é atraído pela melanina presente nos pelos e na pele. No entanto, ele não consegue distinguir um do outro. Dessa maneira, no caso de peles negras, os lasers convencionais podem causar queimaduras.

É aí que entra o laser YAG.

Ele funciona com uma tecnologia que libera raios de luz com menor afinidade pela melanina. Além disso, eles atuam por mais tempo se comparados aos outros tipos de laser. Dessa forma, o YAG é capaz de resfriar a pele e atingir somente o pelo. Por fim, o bulbo é queimado e a cútis se mantém intacta e protegida.

 

Depilação a laser: fim da foliculite e das manchas na pele

 

O uso do laser YAG é também um ótimo negócio para a dupla depilação a laser e pele negra. E as vantagens não ficam apenas restritas à remoção de pelos. Como o método não retira os fios e sim enfraquece pouco a pouco o folículo responsável pela produção dos pelos, a pele fica ainda protegida contra as temidas e incômodas foliculites, muito mais comuns nas peles mais escuras.

Outra vantagem de se optar pelo YAG para a remoção dos pelos é evitar o surgimento de manchas. Os métodos tradicionais e agressivos – como a cera – danificam a pele, deixando-a mais sensível ao desenvolvimento das manchinhas. Por fim, o laser ainda pode ser uma ajudinha extra no tratamento dessas marcas, auxiliando no clareamento das regiões atingidas.

Ainda tem dúvidas sobre essa parceria incrível entre pele negra e depilação a laser? Baixe o nosso e-book exclusivo sobre o assunto e tome já a sua decisão. Clique aqui.

Fique livre dos pelos! Ganhe liberdade, confiança e garanta aquela pele lisinha, sem fios, sem manchas e sem marcas.

Clique AQUI e encontre a Unidade Glas mais próxima de você.

 

Agende sua avaliação gratuita de depilação a laser _ GLAS

tipos de pele

Tipos de pele: descubra quais são e como identificá-los

Falar de depilação é também falar de cuidado com a pele. Cada método tem sua peculiaridade e reage de maneira diferente de pessoa para pessoa. Por isso, é importante conhecer todos os tipos de pele e entender como cada um pode responder às técnicas depilatórias, principalmente no rosto.

Você sabe quais são os tipos de pele e como identificá-los? Continue a leitura e descubra como cuidar ainda mais da sua cútis!

 

Conheça os 4 tipos de pele

 

Pele normal

A pele tida como normal é aquela bem equilibrada. Ou seja, não é muito oleosa, nem muito seca. A zona T, também conhecida como a região que engloba a testa, o queixo e o nariz, é pouco oleosa e a umidade é balanceada. Para completar, a pele normal apresenta poros fechados e regulares, e tem os aspectos macio e saudável. Um exemplo desse tipo de cútis é o das crianças!

 

Pele seca

A pele seca é aquela que tem tanto deficiência de sebo quanto de água. Esse tipo de cútis pode apresentar desidratação e normalmente é áspera e sem brilho. Para completar, a pele seca é ressecada e craquela com muita facilidade. Esse tipo de cútis sofre com a influência dos agentes internos já que a falta de sebo faz com que ela fique desprotegida.

 

Pele oleosa

A pele oleosa é caracterizada pelo excesso de produção de sebo. Normalmente ela é brilhosa e os poros são abertos e visíveis. Esse tipo de cútis costuma apresentar manchas e acnes. Uma das maiores queixas de quem sofre com a pele oleosa é o excesso de brilho com o decorrer do dia, sendo necessário o uso de produtos como pó compacto e águas termais para controlar a oleosidade.

 

Pele mista

Já a pele mista é aquela que combina características da pele oleosa com as da seca. Enquanto na cútis mista a zona T tende a apresentar mais sebo, as bochechas e o restante do rosto são mais secos, podendo inclusive sofrer com irritações enquanto a testa, o nariz e o queixo permanecem protegidos.

 

Aprenda a identificar os tipos de pele

 

Se mesmo com as descrições acima ainda não foi possível identificar com clareza como é a sua cútis, confira abaixo as singularidades dos tipos de pele:

 

Pele normal

  • Poros finos;
  • Boa circulação sanguínea;
  • Pele aveludada, suave e lisa;
  • Textura uniforme;
  • Sem manchas.

 

Pele seca

  • Rigidez;
  • Aspereza;
  • Tonalidade mais opaca e sem brilho;
  • Sensibilidade;
  • Tendência para descamação;
  • Em alguns casos a pele pode coçar.

 

Pele oleosa

  • Poros visíveis e aumentados;
  • Excesso de brilho;
  • Pele grossa;
  • Pálida;
  • Em alguns casos os vasos sanguíneos podem não ser visíveis;
  • Mais propensa ao surgimento de cravos e diversas formas de acne.

 

Pele mista

  • Zona T com características oleosas;
  • Presença de acne nessas regiões;
  • Pele normal a seca nas bochechas.

 

Conhecer os tipos de pele é muito importante para decidir qual método depilatório se adequará melhor a você. Entre técnicas tradicionais e a depilação a laser, cada cútis responderá de uma maneira única e particular a remoção de pelos.

Para as peles mais sensíveis e também para as mais resistentes, a melhor opção é a depilação a laser, porque é o método que mais contribui para uma pele lisinha, sem cortes ou irritações e diminui pelos encravados e foliculite. 

Para ficar livre dos pelos, conte com a Glas. A depilação a laser é um tratamento de redução definitiva dos fios eficiente e seguro.

Clique AQUI e encontre a Unidade Glas mais próxima de você.

 

Agende sua avaliação gratuita de depilação a laser _ GLAS

malefícios da depilação tradicional _ GLAS Depilação a Laser

9 malefícios da depilação tradicional para a sua pele

Você conhece os malefícios da depilação tradicional para a sua pele? Você sabe que existem por aí muitas opções quando o assunto é remoção de pelos. É classificado como depilação tradicional as seguintes técnicas:  ceras, lâminas e cremes depilatórios. Dentre os métodos mais modernos, se destacam a fotodepilação e o laser.

Todas essas técnicas podem ser a sua escolha para a remoção dos pelos. Mas da mesma forma que existem as vantagens de cada uma delas, há também os efeitos colaterais. Principalmente quando a remoção é feita usando os métodos tradicionais citados acima. Nesse artigo vamos te mostrar quais são os malefícios da depilação tradicional e como fazer para evitar esses problemas.

Boa leitura!

 

MALEFÍCIOS DA DEPILAÇÃO TRADICIONAL PARA A SUA PELE

 

Depilação com lâmina

Apesar de prática e rápida, a depilação com lâmina é um dos métodos menos eficazes para eliminar os pelos. Isso porque os fios voltam a crescer em poucos dias, o que faz com que a técnica tenha logo que ser aplicada novamente e por várias vezes.

O resultado pode aparecer em feridas na pele, cortes, coceira, vermelhidão e pelos encravados. Tudo isso causa muito incômodo e pode evoluir para foliculites.

malefícios da depilação tradicional _ Glas Depilação a Laser

Depilação com cera

Um dos métodos mais populares, a depilação com cera, elimina os pelos por aproximadamente 20 dias. Isso faz dela uma opção muito escolhida, sem dúvida. Porém, como a técnica puxa os fios pela raiz, ela pode causar sensibilidade na pele.

Além disso, quando não está na temperatura exata, a cera quente pode provocar queimaduras. Fazendo esse procedimento em casa, você pode acabar esquentando a cera demais e ao aplicá-la na pele pode se queimar seriamente.

E isso não é tudo. A depilação com cera tira também a proteção natural da pele e facilita o aparecimento de pelos encravados e foliculites.

malefícios da depilação tradicional _ Glas Depilação a Laser

Depilação com cremes depilatórios

O creme depilatório é uma ótima opção para quando a depilação precisa ser feita rapidamente. Ele age na pele, dissolvendo a haste dos pelos, mas sem retirá-los pela raiz. Por isso, essa técnica dura poucos dias e os pelos logo voltam a crescer.

Portanto, para ter a pele lisa, você terá que aplicar o creme com frequência. E é aí onde mora o perigo. como possuem em sua composição substâncias químicas, os cremes depilatórios podem causar alergias, ardência e vermelhidão.

malefícios da depilação tradicional _ GLAS depilação a laser

depilação a laser em pele negra

 

EXISTE ALGUM MÉTODO DE DEPILAÇÃO MAIS SEGURO?

 

Depilação a Laser

Sem dúvida a depilação a laser é o método mais indicado para quem não quer sofrer com efeitos colaterais e quer se ver livre dos pelos de uma vez por todas. Diferente de todos os tipos de depilação explicados anteriormente, a depilação a laser é o único que oferece um resultado definitivo. Isso mesmo, você nunca mais vai ter que se preocupar em se depilar.

Essa técnica utiliza o raio laser para destruir os folículos pilosos, que são os responsáveis pelo nascimento de novos pelos. A luz do laser é absorvida pela melanina existente na base do folículo, perto das células germinativas do pelo, aquecendo e destruindo estas células.

 

  • Quais as principais vantagens da depilação a laser?

A principal vantagem da depilação a laser sem dúvida é o fato de que é um procedimento definitivo. Encerradas as suas sessões você nunca mais vai ter que se preocupar em se depilar, o que representa uma economia de tempo e dinheiro para o resto da vida.

Além disso, ao abandonar métodos depilatórios agressivos como a lâmina e a cera, você vai se ver livre dos cortes, machas e foliculite, o que vai melhorar consideravelmente a qualidade da sua pele.

  • Quem pode fazer depilação a laser?

Qualquer pessoa pode fazer depilação a laser, não importa qual seja o seu fototipo de pele: branco, moreno ou negro. Não existem também quaisquer restrições para mulheres grávidas.

O método só não pode ser aplicado em pacientes com herpes ou vitiligo ativos e que estejam se submetendo a radioterapia no local da aplicação.

 

Todos os métodos depilatórios têm as suas vantagens e desvantagens. Basta você saber se vale a pena investir neles ou não. Mas a depilação a laser é o mais seguro de todos eles. Além disso, ela entrega os melhores resultados e ainda protege a sua pele de inflamações e infecções.

A depilação a laser é um procedimento definitivo, eficiente e seguro. O investimento é feito uma vez só e depois você estará livre dos pelos para sempre.

Clique AQUI e encontre a Unidade Glas mais próxima de você.

 

Agende sua avaliação gratuita de depilação a laser _ GLAS

benefícios da depilação a laser _ GLAS Depilação a Laser

5 benefícios da depilação a laser para a sua pele, seu bolso e sua vida!

Depilação é aquela palavrinha que deixa muita gente desesperada. Muitos reclamam da dor, outros se queixam de alergias, enquanto uns sofrem com inflamações, irritações, pelos encravados e foliculites. A melhor maneira de deixar o sofrimento para trás é apostar em métodos de eliminação definitiva de pelos, como o laser. Você conhece os benefícios da depilação a laser? Separamos 5 deles para você se jogar nesse método.

 

5 BENEFÍCIOS DA DEPILAÇÃO A LASER

 

  1. Diga adeus aos pelos para sempre

Como os bulbos capilares são destruídos, os pelos param de crescer. A longo prazo, com o aumento das sessões, todos os fios da região tratada são atingidos e têm seu crescimento comprometido, eliminando de vez os pelos daquela área.

 

  1. Economia de tempo

Se você procura por eficiência, a depilação a laser vai ser o seu novo método de remoção de pelo favorito. Reflita sobre quanto tempo você perde todos os meses tendo sempre que se submeter a métodos depilatórios que doem e que deixam o pelo voltar a crescer. Por isso o laser é a melhor opção para depilação, já que é a única técnica a entregar resultados permanentes. Além de ser menos doloroso que outros métodos, é claro.

benefícios da depilação a laser _ GLAS

  1. Pele lisinha

Não tem coisa melhor do que sentir a pele lisa e macia, né? Com a depilação a laser essa sensação será constante. Isso porque ao abandonar a lâmina e a cera você vai se ver livre também daqueles probleminhas chatos, como cortes, irritações, pelos encravados e foliculite. Sendo assim, depois de um tempo você vai observar um aumento considerável na qualidade da sua pele.

 

  1. Para todos os tons de pele

A depilação a laser agora é para todo mundo. Anteriormente, os métodos usados para a eliminação definitiva de pelos eram restringidos a pessoas de pele clara e pelos grossos e escuros. Hoje essa realidade mudou. Graças à tecnologia Gás+Laser e ao trabalho conjunto dos lasers Alexandrita e Yag, brancos, negros, homens e mulheres podem se submeter à depilação a laser e se livrar totalmente dos pelos. Está aí uma dos maiores benefícios da depilação a laser, não e mesmo?

 

depilação a laser em pele negra

 

  1. Melhor custo benefício

Você pode ter em mente a ideia de que depilação a laser é caro. Mas isso é uma falsa impressão, pode ter certeza. A conta é simples: coloque na ponta do lápis quanto você gasta em uma vida se submetendo a métodos de depilação ultrapassados, como lâmina, cera, linha ou cremes depilatórios. Com o laser o investimento é feito uma vez só e depois você não precisa se preocupar mais com isso pelo resto da sua vida.

benefícios da depilação a laser _ Glas

MAS O QUE É DEPILAÇÃO A LASER?

 

Sem dúvida a depilação a laser é o método mais indicado para quem quer se ver livre dos pelos de uma vez por todas. Basicamente o laser usado para depilação funciona por foto contraste. O raio e a energia gerados por ele são atraídos pela melanina – pigmento que dá cor aos fios e também à pele – no pelo, cauterizando-o até a raiz e eliminando totalmente o folículo piloso. Desse jeito, a técnica acaba com a capacidade do folículo de produzir novos fios. O método age progressivamente, com intervalos de aproximadamente 30 dias, e garante a redução definitiva dos pelos.

 

  • Como funciona

 

Essa técnica utiliza o raio laser para destruir os folículos pilosos, que são os responsáveis pelo nascimento de novos pelos. A luz do laser é absorvida pela melanina existente na base do folículo, perto das células germinativas do pelo, aquecendo e destruindo estas células.

 

Existem diferentes aparelhos que realizam a depilação a laser, mas os mais modernos são os que usam os lasers de Alexandrita e Yag. Além disso, a técnica utiliza um sistema decongelamento da pele por spray para diminuir a dor. Trata-se de um gás criógeno a -20ºC que entra em ação milésimos de segundos antes do laser ser disparado. Isso protege e prepara a pele para que a aplicação seja feita com menos dor, mais segurança e eficácia.

 

  • Quem pode fazer depilação a laser?

 

Qualquer pessoa pode fazer depilação a laser, não importa qual seja o seu fototipo de pele: branco, moreno ou negro. Não existem também quaisquer restrições para mulheres grávidas. O método só não pode ser aplicado em pacientes com herpes ou vitiligo ativos e que estejam se submetendo a radioterapia no local da aplicação.

 

  • Quais as principais vantagens da depilação a laser?

 

Um dos principais benefícios da depilação a laser sem dúvida é o fato de que é um procedimento definitivo. Encerradas as suas sessões você nunca mais vai ter que se preocupar em se depilar, o que representa uma economia de tempo e dinheiro para o resto da vida.

Além disso, ao abandonar métodos depilatórios agressivos, você vai se ver livre dos cortes, machas e foliculite. Isso vai melhorar consideravelmente a qualidade da sua pele.

Depois de toda essa explicação não tem mais razão para duvidar da depilação a laser. São tantas vantagens que pensar em outros métodos vai parecer bastante primitivo! A depilação a laser é um procedimento definitivo, eficiente e seguro. O investimento é feito uma vez só e depois você estará livre dos pelos para sempre.

Clique AQUI e encontre a Unidade Glas mais próxima de você.

 

Agende sua avaliação gratuita de depilação a laser _ GLAS

depilar sem escurecer a pele _ GLAS Depilação a Laser

Depilar sem escurecer a pele: isso é possível? Confira nossas dicas!

Manchas na pele são sempre um assunto sensível para muitas mulheres, principalmente se elas forem causadas pela depilação. Métodos como a cera quente e a lâmina podem danificar a pele, causando problemas não só temporários, mas também permanentes, como no caso das manchas. Então vem aquela pergunta: como posso depilar sem escurecer a pele?

Bom, primeiro é preciso falar que a pele só escurece com a depilação porque ela é lesionada. Quando a cera ou a lâmina machucam o local, a derme aumenta a sua produção de melanina como forma de proteção. Além disso, algumas áreas do corpo são mais sensíveis do que outras, como as axilas e a virilha. Essas regiões se escurecem com mais facilidade.

No entanto, existem algumas dicas que podem te ajudar a se depilar sem escurecer a pele. Quer saber quais são? Continue a leitura:

Depilação diária

Remover os pelos diariamente – o que acontece com algumas mulheres que optam pela depilação com lâmina – pode machucar a pele e deixá-la muito sensível. As lesões que surgem com a prática podem não só causar pelos encravados, foliculites e muitos incômodos, mas também escurecer a região.

Sol e proteção solar

Depilou? Então evite se expor ao sol por até 3 dias após o procedimento. Com a pele sensível e lesionada, os raios solares podem manchar a derme. Se for impossível esperar esse tempo, abuse dos filtros solares. Aliás, protetor solar é um item básico todos os dias, hein?

Hidratação

Nunca, nunca se esqueça de hidratar a pele antes e depois da depilação. Métodos como a cera e a lâmina deixam a pele mais ressecada e vulnerável. Por isso, cuidar bem da região é importante para manter a derme bonita e protegida.

Roupas apertadas

É importante fugir de roupas apertadas nas primeiras 24h após a depilação. Além de causarem atrito e esquentarem a região, a peças mais grudadinhas no corpo ajudam no escurecimento da pele, principalmente se ela estiver lesionada. Invista em roupas leves e que façam o ar circular.

Cuidado com cremes depilatórios

Os cremes depilatórios também facilitam o aparecimento de manchas. Isso porque se não retirados no tempo certo, esses produtos podem causar reações alérgicas e inflamações, condições que podem produzir mais melanina e manchar a pele.

Promoção depilação a laser axila _ GLAS

E QUAL A MELHOR MANEIRA DE SE DEPILAR SEM ESCURECER A PELE?

Definitivamente a melhor maneira de se depilar sem escurecer a pele é com o laser. Além de remover os pelos permanentemente, a depilação a laser também cuida da pele, sem machucá-la. Você fica livre também de irritações, inflamações, pelos encravados e foliculites. Sem lesões, sua pele não mancha e você fica tranquila para todas as situações.

Com certeza, depois desse artigo, você já entendeu que a melhor opção para remover os pelos é a depilação a laser, né? Para completar, a tecnologia Gás+Laser usada pela Glas é muito mais confortável, eficaz e funciona para todos os tipos de pele.

Clique AQUI e encontre a Unidade Glas mais próxima de você.

Agende sua avaliação gratuita de depilação a laser _ GLAS

 

depilação para quem tem a pele sensível _ GLAS Depilação a Laser

5 dicas de depilação para quem tem a pele sensível

A depilação faz parte da rotina de muitos homens e mulheres, não importa qual método seja utilizado. Porém, algumas pessoas sofrem com a sensibilidade na pele, o que pode tornar a remoção dos pelos bem sofrida, com dores, alergias e irritações. Por isso é importante que alguns cuidados sejam tomados na hora da depilação para quem tem a pele sensível.

Mas o que fazer, como cuidar bem da minha pele para que ela não sofra? Preciso eliminar a remoção de pelos da minha vida? Calma, não é para tanto. Para resolver seus problemas, separamos 5 dicas de depilação para quem tem a pele sensível.

1. Não depile com a pele irritada

Se você decidiu usar lâmina, creme ou marcou uma sessão de depilação a cera e percebeu que a pele está irritada, desista. O processo de retirar os pelos pode piorar o quadro e uma simples irritação pode se transformar em uma inflamação mais séria.

2. Nunca reutilize a cera

Se o seu método preferido é a depilação com cera, jamais, em hipótese alguma, reutilize o material. A cera quando usada deve ser jogada fora. Quando guardada, a substância pode entrar em contato com bactérias, fungos e vírus, inflamando e infeccionando a pele.

3. Pele limpinha = menos pelos encravados

Higienizar a pele antes da depilação é super importante, principalmente nas peles sensíveis. Desse jeito você evita que pelos encravados e foliculites apareçam por causa de bactérias que entraram em contato com lesões e pequenas feridas.

4. Roupas confortáveis depois da depilação

Depilou e a região ficou sensível? Fique longe de roupas apertadas. Elas causam atrito com a pele, impedem a transpiração e podem piorar o quadro de sensibilidade. Aposte em roupas leves e larguinhas e deixe o ar circular.

5. Evite exposição ao sol

Nos primeiros dias após a depilação – qualquer que seja o procedimento – é importante não se expor ao sol. Isso porque, com a sensibilidade, a pele fica mais suscetível ao surgimento de manchas. Então vai se depilar para ir à praia ou pegar uma piscina? Faça isso alguns dias antes. E claro, use sempre protetor solar.

QUAL O TIPO MAIS INDICADO DE DEPILAÇÃO PARA QUEM TEM A PELE SENSÍVEL?

Não importa se você é branco, negro, amarelo, tem a pele muito sensível ou não. O melhor método para a remoção dos pelos é a depilação a laser. Além de eliminar os fios, o laser protege a pele, deixando a sensibilidade para trás. Com a depilação a laser você se livra dos pelos, mas também das irritações, inflamações, alergias, pelos encravados e da foliculite.

Conhecer o seu tipo de pele é muito importante para escolher o melhor método depilatório. Mas o laser é, sem dúvida alguma, a melhor opção para quem tem a pele sensível. Se for esse o seu caso, não perca tempo.

Clique AQUI e encontre a Unidade Glas mais próxima de você.

 

Agende sua avaliação gratuita de depilação a laser _ GLAS

como tratar e prevenir a foliculite _ GLAS Depilação a Laser

Como tratar e prevenir a foliculite? 8 dicas para dar fim ao problema

Muita gente sofre com a foliculite, aquela inflamação na pele que aparece depois da depilação com lâmina ou cera. Muito incômoda, ela pode coçar e doer. Mas o que é, como tratar e prevenir a foliculite?

A doença se caracteriza por uma infecção de pele que se inicia nos folículos pilosos e, normalmente, é causada por bactérias, fungos, vírus ou pelos encravados que acabam inflamando. À primeira vista, a foliculite parece uma espinha, mas ao contrário da acne, as pontas brancas aparecem em torno dos folículos e normalmente desaparecem sozinha. Mas em algumas situações, a foliculite pode evoluir para um quadro mais sério e levar a perda permanente de pelos e ao aparecimento de cicatrizes.

A infecção apresenta vários tipos, com características e evoluções próprias. Apesar de muito incômoda, a foliculite tem tratamento e pode ser evitada. Separamos algumas informações sobre cada tipo da inflamação e algumas dicas sobre o que você precisa saber como tratar e prevenir a foliculite.

Tipos de foliculite: superficiais e profundas

As foliculites superficiais são as mais comuns e atingem a parte externa do folículo piloso. Elas podem ser:

  • Foliculite estafilocócita: quando ocorre infecção por bactérias;
  • Foliculite por pseudomas: infecção por bactérias que se proliferam na água, como em banheiras e piscinas aquecidas;
  • Pseudofoliculite da barba: inflamação dos folículos na região da barba. É mais comum em homens negros;
  • Foliculite Ptirospórica: afeta em sua maioria adolescentes e homens adultos e é causada por fungos.

Já as foliculites profundas são mais complicadas. Elas afetam as camadas mais internas e extensas da pele e se dividem em:

  • Sicose barba: se caracteriza por pequenas inflamações na pele e com pus. Elas aparecem primeiro no lábio superior, queixo e mandíbula;
  • Foliculite por bactéria gram-negativa: podem surgir por uso prolongado de remédios para acne;
  • Furúnculos e carbúnculos: quando não tratada corretamente, algumas foliculites podem evoluir para um quadro mais complicado. A lesão fica vermelha, enche de pus, cresce e dói cada vez mais. Essas complicações deixam cicatrizes na pele;
  • Foliculite eosinofílica: afeta em sua maioria pessoas infectadas pelo vírus HIV.

Como tratar e prevenir a foliculite?

Antes de tudo, é importante buscar a ajuda de um médico Dermatologista quando a foliculite surge, principalmente se a inflamação estiver bem avançada. O diagnóstico pode ser feito apenas com o exame na pele, mas também pode ser necessária uma análise das amostras de secreção. Se a foliculite for persistente e se repetir muitas vezes, um tratamento pode ajudar bastante. Quem definirá qual será a melhor técnica de intervenção será o Dermatologista após a análise do seu caso.

A foliculite pode ser tratada com antibióticos, quando tiver causa bacteriana; com antifúngicos, quando houver infecção por fungos; e com drenagem nos casos de furúnculos.

Algumas atitudes podem proteger a sua pele do desenvolvimento da inflamação nos folículos pilosos, como:

  1. Lavar as mãos com frequência;
  2. Manter a pele sempre limpa e seca;
  3. Tomar banho com sabonetes antissépticos antes e depois da depilação;
  4. Não usar roupas muito justas, já que elas aumentam o atrito com a pele;
  5. Manter a pele frequentemente hidratada;
  6. Beber muita água;
  7. Evitar alimentos gordurosos;
  8. Não depilar com lâminas e cera.

depilação a laser em pele negra

E o que fazer com a depilação?

A melhor forma de prevenção é evitar a depilação dos pelos com cera e lâmina de barbear, trocando o método de retirada de pelos por outros mais eficazes. Isso mesmo! Já que técnicas com lâminas de barbear e cera são responsáveis pelo desenvolvimento dessas inflamações, que tal apostar em um outro método?

Pensando nisso, a melhor opção é, sem dúvida alguma, a depilação a laser. Além de deixar a pele lisinha e macia, sem pelos para sempre, o laser também protege as áreas tratadas de inflamações, pelos encravados e, claro, da foliculite.

Conheça a Glas e marque a sua avaliação gratuita.

Clique AQUI e encontre a Unidade Glas mais próxima de você.

Agende sua avaliação gratuita de depilação a laser _ GLAS

 

antes e depois da depilação a laser _ GLAS Depilação a Laser

Como cuidar da pele antes e depois da depilação a laser

A depilação a laser é maravilhosa, acaba com os pelos, deixa a pele lisinha e ainda de quebra te livra de alergias, inflamações e das incômodas foliculites. Isso todo mundo já sabe, né? Mas o que algumas pessoas ainda desconhecem é que mesmo sendo um método incrível é preciso cuidado. É preciso saber como cuidar da pele antes e depois da depilação a laser

Quer saber o que você deve fazer antes e depois da depilação a laser? Leia as instruções abaixo e deixe sua pele preparadíssima.

ANTES DA DEPILAÇÃO

1. Evite exposição solar

A exposição ao sol deixa a pele sensível. Não importa se você for muito branco(a) ou negro(a), evitar se expor ao sol 72 horas da depilação a laser é essencial para que a sua pele fique protegida e também para que o procedimento tenha uma resposta positiva. Ah, não se esqueça de usar protetor solar durante essas 72 horas, hein? Mesmo que você vá apenas até a padaria.

2. Esqueça pinças e ceras depilatórias

O laser precisa de pelo para funcionar. Então durante o tratamento de depilação a laser não retire os pelos com pinças, ceras ou outros métodos que puxam os fios pela raiz. Opte pelos cremes depilatórios e pelas lâminas. Se precisar retirar os pelos, faça cerca 3 a 5 dias antes da sua sessão.

3. Nada de ácidos

Se você faz algum tratamento de pele a base de ácidos, suspenda o uso pelo menos 3 meses antes de começar a sua depilação a laser. Os ácidos afinam a pele, deixando-a mais sensível. Medicamentos para a acne, como o Roacutan (ácido retinóico), também não podem ser administrados durante o tratamento para remoção definitiva de pelos. O mais importante é conversar com o médico dermatologista responsável pelo seu procedimento e sanar todas as dúvidas.

4. Cosméticos não

No dia da sessão de depilação abandone desodorantes, cremes, perfumes, autobronzeadores e maquiagens. A pele precisa estar limpinha e sem nenhuma química.

Promoção depilação a laser axila _ GLAS

DEPOIS DA DEPILAÇÃO

 

1. Sem sol

Não se exponha ao sol por pelo menos 5 dias. Quando sair não se esqueça do protetor solar.

2. Cremes

Pode acontecer da área tratada ficar avermelhada e sensível após a depilação a laser. Ao final da sessão o profissional responsável pela aplicação pode aplicar uma pomada de corticoide no local. Se a irritação acontecer já em casa, é possível cuidar da região com uma fina camada de pomadas como Betnovate, Betametasona, Topson, duas vezes ao dia por 4 dias.

3. Use sabonetes neutros

Após o procedimento opte por sabonetes neutros ou para peles sensíveis. Os outros tipos ressecam a pele e podem deixá-la ainda mais sensível.

4. Em caso de problemas, procure um médico

Talvez a principal dica: se você tiver alguma reação, ardência ou qualquer outro problema na pele, procure um médico dermatologista.

Com todas essas dicas a sua pele vai ficar, além de lisinha, muito bem protegida antes e depois da depilação a laser. Tranquilidade para apostar no método com a certeza de que o tratamento entregará resultados maravilhosos. E o melhor: sua pele ficará intacta!

Na Glas oferecemos suporte médico 24h. Dê adeus aos pelos, mas faça com quem cuida de você e está sempre preocupado, não importa a hora do dia.

Clique AQUI e encontre a Unidade Glas mais próxima de você.

 

Agende sua avaliação gratuita de depilação a laser _ GLAS

 

dicas para a pele seca _ GLAS Depilação a Laser

Dicas para a pele seca: como mantê-la sempre saudável e bonita

A grande maioria das pessoas reclama da pele oleosa, mais propensa a acne e que apresenta aquele brilho excessivo que gera desconforto. No entanto, outras pessoas sofrem com os incômodos que a pele extremamente seca pode causar. A falta de viço e toque áspero são algumas das características mais comuns da pele ressecada. Além disso, esse tipo de pele acaba tendo tendência a se descamar e é mais propenso a apresentar rugas e linhas de expressão mais precocemente. Por isso é sempre importante conhecer dicas para a pele seca.

O ressecamento acontece devido a redução da produção de uma camada de gordura presente sobre a pele, responsável por mantê-la hidratada. Geralmente esse problema é mais comum em idosos, em pessoas que ingerem pouca água ou tomam banhos muito quentes, com esponja e sabonetes em excesso.

O ressecamento pode ter três níveis: leve, moderado e severo. Em todos esses casos, além do aspecto opaco, descamação e manchas, a ausência de hidratação pode levar ao aparecimento de alergias, conhecidas como eczema – lesões com aspecto vermelho e descamativo associadas à coceira intensa.

Veja a seguir algumas dicas a para pele seca que vão além do “beber água”, “abusar do protetor solar” e “limpeza diária”. Confira:

 

6 DICAS PARA A PELE SECA

 

1. Hidratação com cremes

Dê preferência a cremes e loções cremosas à base de ureia (a concentração deve ser de, pelo menos, 10%) ou glicerina. Aplique após ao banho para a absorção ser mais eficaz;

2. Evite ácidos e fórmulas com álcool

São produtos com muito detergente e ressecam ainda mais a pele;

3. Evite banhos quentes (e demorados!)

Eles tiram o óleo natural da pele;

4. Prefira produtos líquidos, principalmente maquiagens

São sempre mais eficazes e menos agressivos que os pós.

5. Máscaras caseiras

Misture abacate com um pouco de óleo de glicerina, uma colher de mel e algumas gotas de qualquer creme hidratante. Na aplicação, basta deixar agir por 15 minutos e lavar. Fácil e eficaz!

6. Tratamento com ácido hialurônico

Ele promove uma hidratação mais profunda, melhorando a qualidade da pele e a aparência das rugas.

Seguindo essas dicas para a pele seca e contando sempre com as orientações de um médico Dermatologista, a sua pele não vai ser mais um problema para você!

 

 

Depois de todos esses cuidados, que tal aproveitar e se livrar definitivamente dos pelos? Além de linda, sua pele ficará lisinha e livre dos fios chatos e incômodos.

Agende sua avaliação gratuita de depilação a laser _ GLAS